Seguidores

terça-feira, 3 de setembro de 2013

BENEFÍCIOS DA MEDITAÇÃO

Além de obter a sensação de bem-estar da mente, a meditação pode aumentar a imunidade do organismo. Veja quais são os benefícios da arte de meditar

A meditação ajuda a lidar melhor com o estresse
diário e a provomer a longevidade das células.
Foto: Shutterstock
Quem medita tem as defesas do organismo ampliadas e consegue lidar melhor com o estresse, concluiu um estudo realizado na Universidade da Califórnia, EUA.

 Isso acontece porque durante a prática da meditação a enzima telomerase (ligada ao sistema imunológico) tem sua ação intensificada. Entretanto, o responsável pelo estudo, Clifford Saron, alerta que a meditação sozinha não resolve. 

A prática é apenas um dos mecanismos usados pelo corpo para aumentar o bem-estar do indivíduo. E é esse estado que age diretamente sobre a atividade da telomerase nas células do sistema imunológico, que são as reais responsáveis por promover a longevidade nas células. Para chegar a essa conclusão, foram analisados 60 pessoas durante três meses. 

Trinta delas praticaram a meditação e as outras trinta, não. As taxas da telomerase se mostraram cerca de 30% mais elevadas naquelas que meditavam. Foram esses pacientes que apresentaram, ainda, um aumento na capacidade psíquica, como melhora na percepção de controle e atenção, além de diminuição da neurose ou de emoções negativas. 

 Veja como o corpo reage a meditação 

 Há diversos estudos que relatam as alterações fisiológicas que ocorrem em pessoas que meditam. Na área cerebral, nota-se um aumento da integração e efetividade do cérebro e acontece uma ampliação das ondas cerebrais relacionadas ao relaxamento.

Além disso, ocorre um menor gasto de oxigênio pelas células do corpo, redução da frequência cardíaca e diminuição da condutância elétrica da pele (devido ao relaxamento).

“Em resumo, podemos dizer que o ato de meditar provoca uma redução do metabolismo e assim ocorre uma pronunciada desaceleração do funcionamento do corpo”, explica Cardoso. O cérebro fica globalmente mais irrigado, aumentando a coerência e sincronia eletro-encefalográfica.

 Há ainda o aumento da concentração de dopamina, norepinefrina e serotonina (neurotransmissores), o que explica o aumento da sensação de prazer, motivação e energia após a prática da meditação transcendental. Também há uma redução dos hormônios do estresse. 

 Quais são os principais benefícios para a saúde?

 Dentre as vantagens que surgem da prática regular da técnica destacam-se:

  • redução do estresse e ansiedade
  •  aumento de satisfação e melhor desempenho no ambiente de trabalho; 
  • diminuição da insônia e depressão; 
  • aumento de bem-estar e autoestima;
  • estímulo da criatividade, inteligência e memória; 
  • fortalecimento do sistema nervoso e imunológico; 
  • redução da pressão arterial e de dores de cabeça;
  • diminuição do consumo do tabaco, do álcool e de drogas ilícitas.